Make your own free website on Tripod.com

Web Diary, Mags, 02/06/2001

 

 

 

Oi na neblina...É o dia posterior e a noite anterior e nós estamos indo para Neurenberg para a nossa 2ª experiência em festivais. Ontem no "Ring" - foi uma viagem legal - a parte não filmada do "Spinal Tap"... Eu me lembro quando criança, de passar a noite assistindo "Rockparlat" - isso foi realmente a antecipação da nossa entrada no palco (imagine você que tudo o que nós tínhamos de entreterimento musical na Noruega naquele tempo - mais um ano gente!).

Palco: Estava 3 graus e frio, com vento e chovendo. O teclado estava totalmente coberto com plático para proteger da chuva, então não eu podia ver o display nem checar a mudança de som. (Uma imagem veio à minha cabeça no palco: Grete Waitz, a corredora norueguesa, estava na maratona de Nova Iorque e teve uma diarréia no meio da prova. O que você faz? Você corre para o banheiro ou faz nas calças e some? Ela escolheu a segunda opção - e ganhou a maratona! Mas com um novo design na sua roupa de corrida.) Então estava pensando neste tipo de "braveza-na-face-do-adversário" que veio à minha cabeça. Eu acho que a gente nunca passou tanto frio no palco antes. Mesmo tocando em Lillehamer na abertura das olimpíadas estava uma noite agradável em comparação a esta vez.

Coisa pessoais:

A chuva começou a diminuir em "Crying in the rain". Que bom. O Paul dizia que estava realmente muito frio no seu lado do palco. Morten nunca deixa seu saco de dormir no palco.

Depois do show foi uma loooonga viagem de volta a Frankfurt, por alguma razão. Isso é chamado de organização criativa, eu acho.

Mais tarde (muito mais tarde).....

Eu acho que deixarei para todos vocês este depoimento incoerente do "Ring and the Park" e em Copenhaguem além ter ter muito que fazer, talvez não terei e-mail, mas eu aviso vocês!Não pensem que eu sou pereguiçoso demais.....(Meus únicos projetos para este verão: Novo álbum do A-ha, música para o filme "Dragonfly", dois trabalhos de arte e mais quatro festivais/shows ao vivo - Hey, eu estou explicando - não reclamando)

De qualquer forma...

O segundo show (Rock am Park) foi um show muito bom - nós todos curtimos estar no palco, eu acho.

Olhando para trás, para ambos os shows, devo admitir que aproveitei tudo de todo festival. (Lembrete para si mesmo: deve ser feito de novo). Eu fiquei realmente surpreso com a recepção da platéia.

Não foi diferente de um show normal do a-ha, mas eu acho que nós todos estamos começando a sentir falta de poucas músicas do nosso passado - músicas como "Scondreal Days", "I call your name", " Move to Memphis", "Swing of things", etc . São números que provavelmente abaixariam bem num "setting" de um festival. Quero dizer, este show foi originalmente feito como um show de volta. Acho que funcionou bem, mas está obviamente muito forte nas lembranças da platéia (..lembra disso..?). Hora de ser mais aventureiro.

Paz,

m.f

p.s.

Livros lidos ultimamente:

"Sick Puppy" (comprado pela capa, mas foi um bom passa-tempo)

"White Teeth" ("bestseller", mas recomendado mesmo assim)